Transmissões

Data

Segredos Contados pelo Esmalte Dentário

Normal Expandido
Formato
Reportar Erro
Denunciar
Incorporar
Recomendar
Gostei
232 visualizações
Publicado em Thu Apr 27 10:54:34 GMT-03:00 2017
Responsáveis:  Raquel Fernanda Gerlach
Produção:  Hermano Teixeira Machado
Palestrantes:  Raquel Fernanda Gerlach

Palestra da Profa. Dra. Raquel F. Gerlach para as "Conversas Transdisciplinares" do Edital Santander Grandes Temas. A Profa. fala de alguns segredos que só o esmalte dentário pode revelar. Alguns dos segredos são: peptídeos dimórficos (pedacinhos de proteínas) específicos do esmalte, que permitem identificar se restos mortais de centenas a milhares de anos eram de um homem ou de uma mulher, o que abre um novo caminho para investigar o passado. Isso é possível porque o esmalte é o tecido mais mineralizado dos mamíferos, atingindo o extraordinário valor de 96% de mineral por peso de tecido. Pasme: Muitas rochas não tem tanto mineral ! Para comparação, o osso tem 45% de mineral (em peso). A Profa. Raquel fala rapidamente sobre as diferenças entre esmalte e outros tecidos mineralizados, como dentina e osso, e também mostra a morfologia bem diversa destes tecidos em relação ao esmalte maduro, que é uma coleção de bastões finíssimos e muito longos, cada um deles feito por uma célula. Ela mostra que as células que formaram o esmalte, os ameloblastos, morreram muito antes do esmalte surgir na boca. Segredo revelado: cuide muito bem do seu esmalte, pois ele não tem células para consertá-lo ou fabricá-lo de novo! Finalmente, são apresentados os dados de chumbo no esmalte dentário obtidos em uma década de pesquisa em Ribeirão Preto, SP, e outras cidades do nosso país. Nestas pesquisas se demonstra que o esmalte concentra chumbo na sua superfície e pode ser considerado um bom marcador para exposição a este metal, o qual é a mais preocupante neurotoxina para crianças. Outro segredo muito útil contado pelo esmalte dentário.