Transmissões

Data

Dieta e castas: o exemplo das abelhas sociais visto por uma análise causal do desenvolvimento

Normal Expandido
Formato
Reportar Erro
Denunciar
Incorporar
Recomendar
Download
Gostei
1590 visualizações
Publicado em Thu Oct 04 14:03:19 BRT 2012
Formatos:  MP4 (640 X 360 px)

As abelhas são, de longe, os mais importantes polinizadores em ecossistemas agrícolas e naturais. No entanto, o recente colapso das populações de abelhas, coloca este equilíbrio sob grave ameaça. Uma estratégia promissora para contornar este risco é a criação em larga escala destes polinizadores, através do perfeito domínio das técnicas de manejo e gestão, altamente dependentes do profundo conhecimento dos sistemas biológicos envolvidos.


Embora as Apis mellifera tenham sido, por décadas, importantes organismos para estudos de plasticidade de comportamento, comunicação, aprendizado e memória, muitos aspectos da biologia deste importante inseto são ainda desconhecidos.

Em uma colônia de abelhas convivem milhares de indivíduos coordenados por uma sofisticada organização e complexa divisão de trabalho, onde uma única rainha, a fêmea especializada na reprodução, despende a maior parte do tempo em por ovos, uns poucos machos, os reprodutores, e as operárias, a grande maioria de indivíduos desta sociedade e responsáveis pelo restante das tarefas da colônia.

Nosso objetivo é uma análise causal do desenvolvimento deste organismo através de ferramentas de última geração em Biologia e Genética Moleculares e entender como a informação genética flui através de redes hierárquicas de expressão gênica.

Para mais informações: http://iearp.blogspot.com.br/2012/04/dieta-e-castas-o-exemplo-das-abelhas.html