Transmissões

Data
Vídeos mais vistos

COLÓQUIO - IFUSP: he Discrete Charm of Scale Invariance in Nuclear and Atomic Physics

Nature is certainly not invariant under changes of scale. Phenomena and laws are characterized by parameters that determine their dimensions. However, while the complexity of some many-body systems may stem from a profusion of distinct scales, rich structures exist even when there is no more than one essential scale associated with *discrete* scale invariance. I will discuss how intrinsically quantum-mechanical structures with unique properties, sometimes labeled "Efimov physics", emerge in nuclear and some closely related atomic systems from a contact three-body force. ABOUT THE SPEAKER: Ubirajara (Bira) van Kolck is a Directeur de Recherche at France's Centre National de la Recherche Scientifique and a Professor of Physics at the University of Arizona. After receiving his Ph.D. in 1993 from the University of Texas at Austin under the supervision of S. Weinberg, he held postdoctoral appointments at the University of Washington and Caltech. He has been a RHIC Physics Fellow, a DOE Outstanding Junior Investigator, and a Sloan Fellow. He is a Fellow of the American Physical Society and received the Prix Paul Langevin 2015 of the Societe Francaise de Physique. His interests center on effective field theories and the emergence of nuclear physics from the Standard Model and its extensions. O Prof. van Kolck é mundialmente reconhecido por iniciar e ampliar a linha de pesquisa de teorias efetivas aplicadas a sistemas hadrônicos e nucleares. Fez sua graduação no IFUSP, mestrado no IFT-UNESP, e o seu doutorado na Universidade do Texas sob a orientação de Steven Weinberg (prêmio Nobel de 1979).

» veja mais

Vídeos indicados

6ª Workshop de Tecnologia Adaptativa - WTA 2012_part005

A sexta edição do Workshop de Tecnologia Adaptativa (WTA 2012), promovida pelo Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, se realizará em São Paulo, Brasil, nos dias 26 e 27 de janeiro de 2012. O WTA é um evento anual promovido pelo Laboratório de Linguagens e Técnicas Adaptativas (LTA) da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo com o objetivo de propiciar o encontro, o intercâmbio de informação e o estabelecimento de novas metas e perspectivas para a área de Tecnologia Adaptativa, apresentando resultados de investigação, ferramentas e experiências práticas que compreendem diversos aspectos científicos e tecnológicos da adaptatividade, tanto em suas formulações teóricas como em suas aplicações nas mais diversas áreas da computação. A área de Tecnologia Adaptativa é um campo de pesquisa emergente, ainda em fase de desenvolvimento, com foco sobre os problemas relacionados com a organização de sistemas complexos em ciência da computação, engenharia de computação e tecnologia da informação. A oportunidade do desenvolvimento de pesquisas nesta área justifica-se pela necessidade crescente complexidade, heterogeneidade e dinamismo nos formalismos, modelos, serviços e aplicações, o que se reflete nas dificuldades correspondentes, afetando o projeto, a implementação, a operação e o gerenciamento de tais sistemas. Neste contexto, a Tecnologia Adaptativa vem propiciando diversos avanços científicos e tecnológicos em uma ampla variedade de áreas correlatas e de aplicação, através do estudo dos fenômenos associados à adaptatividade, que se apresenta como uma promissora alternativa para a inovação de soluções e para a obtenção de ganhos operacionais significativos em divesos casos. Este conceito se apóia fundamentalmente em formalismos, técnicas, modelos e ferramentas que sejam capazes de proporcionar a um sistema computacional conceitos e técnicas de projeto e de operação que o capacitem a modificar seu próprio comportamento, de forma autônoma, em resposta ao seu histórico de operação e à situação corrente do seu ambiente.